Planejando as tomadas na hora da reforma!

Posted on

O planejamento de tomadas é essencial na hora de reformar a casa, para garantir que os donos do imóvel possam organizar seus eletrônicos como desejam e usá-los sem precisar investir em acessórios, como as extensões.

Mas, como planejar as tomadas de modo correto na hora da reforma? O primeiro passo é contratar um profissional capacitado para desenvolver um projeto elétrico que atenda as necessidades dos moradores da casa.

Procure sempre passar o máximo de informações ao profissional, citando onde deseja acomodar os principais eletrônicos e eletrodomésticos da casa. Assim, é possível elaborar um projeto que envolva tomadas em locais estratégicos da residência justamente para ligar esses equipamentos e usá-los onde planejado.

planejando as tomadas

Resista à tentação e não sugira colocar várias tomadas num mesmo cômodo. Segundo a norma NBR 5410, o recomendado é que cada área tenha uma tomada a cada oito metros quadrados, quantidade que pode ser alterada em ambientes com maior concentração de equipamentos eletrônicos, para evitar a sobrecarga em somente uma tomada.

Cômodos pequenos, com menos de seis metros quadrados, devem receber somente uma tomada. Já em áreas maiores, como salas e quartos com mais de seis metros quadrados, o ideal é instalar uma tomada com espaçamento de oito metros.

No caso da cozinha e áreas de serviço, esse número é diferente, justamente pela grande utilização de eletrônicos na área. Nesse caso, o recomendado é instalar uma tomada a cada 4 metros quadrados, dando preferência a locais como em cima da bancada ou pia, onde são utilizados os aparelhos.

Até mesmo o banheiro e o lavatório podem receber tomadas. Somente uma é recomendada e sempre com uma distância de pelo menos sessenta centímetros da área do chuveiro.

Além do cuidado de não abusar da quantidade de tomadas nos cômodos, é importante que o projeto elétrico da reforma da residência também envolva a instalação de tomadas de diferentes voltagens (110V e 220V), para assegurar que todos os equipamentos eletrônicos possam ser utilizados.

Quem não pretende mudar a disposição dos móveis com a reforma, mas deseja posicionar novas tomadas no cômodo, também vale investir nessas dicas, para garantir que o projeto elétrico seja seguro e prático para todos.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *